Black Friday 2018: veja como se proteger de golpes durante as compras na web

Black Friday 2018: veja como se proteger de golpes durante as compras na web

 

A Black Friday é o evento mais importante do e-commerce brasileiro - supera até o Natal em vendas online. A maior parte dos consumidores pretendem fazer alguma compra na edição 2018 (68% dos internautas). O total gerado deve chegar a 2,4 bilhões de reais, um recorde.

Apesar de estar cada vez mais popular e conhecida, a Black Friday é também uma oportunidade para enganar os consumidores (seja com falsos descontos, produtos inexistentes ou roubo de dados pessoais e bancários, como senhas e número de cartão de crédito). Por isso, é preciso estar muito atento para fazer uma compra segura.

 

Veja a seguir algumas dicas para não transformar sua Black Friday em uma roubada:

 

Evite redes abertas

As redes de wi-fi públicas são muito convenientes, mas podem ser perigosas. Não há como saber se elas estão protegidas, então você deve partir do pressuposto de que está exposto. 

Portanto, evite comprar qualquer coisa ou fazer operações bancárias quando estiver usando uma rede pública. 

Prefira redes seguras, como a da sua casa ou do trabalho, onde você terá certeza de estar fazendo uma compra segura.

 

Navegue somente em sites seguros

Você sabe identificar um site realmente seguro? É fácil. Quando entrar em qualquer página, verifique o lado esquerdo da barra de endereços. Para que o site seja seguro, é preciso que haja um cadeado ao lado do "https". Isso indica que o endereço possui um Certificado SSL e está protegido contra roubo de dados.

Cibercriminosos conseguem clonar páginas de lojas, bancos e outras instituições para conseguir senhas e números de cartão de crédito. Outro detalhe a ser observado é se o site começa com "https". Caso o "s" não esteja presente, é melhor ficar desconfiado. Se estiver no celular, prefira sempre comprar por meio dos aplicativos oficiais das lojas - para não correr o risco de ir parar em uma página clonada.

 

Use sempre antivírus

Essa é uma dica antiga, mas que continua valendo ouro. Tenha sempre um antivírus ativado e atualizado em seus dispositivos. Ele ajuda a verificar se há algum tipo de ataque ocorrendo, se sua máquina foi infectada por um vírus ou por um malware. Esses programas atualizam suas bases de dados com frequência e garantem uma compra segura.

 

Atenção ao cartão de crédito

Hoje em dia, os bancos oferecem a opção de criar o chamado cartão de crédito virtual, ideal para ser usado nas compras online. Ele é mais seguro e simples porque, caso haja algum problema, pode ser bloqueado e excluído rapidamente, sem comprometer seu cartão. 

Evite também permitir que sites e navegadores memorizem as informações do seu cartão. Assim, caso haja algum problema de segurança nessas instituições, seus dados não correm o risco de caírem na mão de criminosos.

 

Preste atenção aos golpes

Os hackers têm diversas estratégias para tentar nos enganar. Uma delas é mandando e-mails com falsas promoções. Desconfie de qualquer material que chegar na sua caixa de entrada, especialmente se você não tiver assinado a newsletter daquela empresa. 

Tome cuidado também com mensagens de WhatsApp e SMS. Cheque o número e não clique em nenhum link antes de ter certeza de que é legítimo. Criminosos também podem fazer anúncios em redes sociais, por isso é importante ficar ligado. 

Quando estiver fazendo uma compra e perceber que a loja não aceita cartão de crédito, desconfie. Golpistas preferem receber por boleto ou depósito, porque as empresas de cartão têm muitas maneiras de proteger você (e devolver seu dinheiro).

 

Muita calma

Muitos criminosos se aproveitam da euforia dos consumidores para aplicar golpes durante a Black Friday. Para fazer uma compra segura, é preciso ter bastante calma. Faça prints das telas de cada etapa: a escolha, indicação de endereço, cadastro e forma de pagamento. O volume de compras no dia é muito grande e hackers podem se aproveitar disso para tentar roubar dados bancários, senhas ou números de cartão de crédito. 

Guarde esses registros para ter provas de que você seguiu todos os passos. Ainda, preste bastante atenção na hora de efetuar os pagamentos. Veja se o boleto emitido corresponde mesmo à loja onde a compra foi feita e, no caso de pagamentos com cartão, verifique se você está em um ambiente seguro.

Todo mundo gosta de bons descontos, mas é preciso manter a calma e prestar bastante atenção durante a Black Friday. Com cuidados básicos, você faz uma compra segura e evita dores de cabeça. 

Siga-nos

       

 

Contato:

 SIA/SUL Trecho 03 Lote 990,  Cobertura - Edifício Itaú

 CEP: 71.200-030 - BRASÍLIA/DF

 +55 (61) 3363-8636

 contato@fasthelp.com.br

Enviar mensagem

Últimas Notícias