Dicas de Segurança da Informação para o seu escritório de Advocacia

Dicas de Segurança da Informação para o seu escritório de Advocacia

 

O Direito foi um dos campos profissionais mais afetados pela tecnologia. Antes, eram necessárias pilhas de papéis e documentos para fazer basicamente tudo. Hoje, o processo está quase todo informatizado. Os tribunais de todo o Brasil disponibilizam plataformas nas quais se comunicam e recebem documentos de advogados e outros interessados.

Os escritórios de advocacia lidam com quantidades cada vez maiores de informação digital sobre seus clientes, seus advogados e outros dados importantes - que muitas vezes são confidenciais.  É essencial para a reputação desse tipo de empresa proteger tudo isso com o máximo de zelo. Afinal, além da confidencialidade que muitos casos exigem, estão em jogo vidas que podem ser afetadas por descuidos.

 

Como um escritório de advocacia pode cuidar da segurança de sua informação? É isso que vamos explicar a seguir.

 

Monitoramento constante

Devido à sensibilidade das informações que um escritório de advocacia tem, é recomendado que a restrição de acesso a conteúdos potencialmente perigosos seja bastante alta. Filtros de navegação podem ajudar nessa missão, barrando sites que sejam suspeitos ou possam deixar expostas informações importantes de sua firma. Assim, ninguém na empresa irá colocar em risco seus clientes.

Veja também: Quais sites devo bloquear no ambiente de trabalho?

 

Armazenamento seguro

Outro cuidado essencial é onde guardar os documentos, processos, petições, etc. Deve haver uma política de onde esses dados podem (e não podem) ser armazenados. O ideal é que as informações sejam guardadas em lugares seguros, onde haja um controle de acesso. Isso diminui o risco de que possam ser acessados por cibercriminosos ou outros malfeitores. A nuvem tem se tornado um meio cada vez mais popular de guardar arquivos, mas é preciso tomar cuidado. Não podemos esquecer também dos backups, que deve ser feitos periodicamente para não haver o risco de perder informações. E, claro, as soluções de armazenamento devem contar com criptografia para minimizar as chances de invasão e roubo de dados.

Veja também: Tudo que você precisa saber antes de migrar seus dados para a nuvem

 

Combate ao spam

Uma dica óbvia, mas valiosa é sempre ter um bom antispam em operação. É bastante comum que hackers invadam sistemas enganando as pessoas com e-mails. Usando a técnica chamada de phishing, eles disfarçam mensagens maliciosas para que se pareçam com bancos, empresas de telefonia e de tecnologia. A vítima clica em links perigosos que podem roubar suas informações e deixar sua empresa exposta.

Veja também: Como reconhecer spam e phishing para proteger suas contas e dispositivos

 

Pense na segurança dos dispositivos

Seus funcionários provavelmente usam diversos tipos de aparelhos para trabalhar: celulares, tablets, laptops, desktops. Cada um deles é uma brecha em potencial e pode ser alvo de invasores. Por isso, invista em soluções de segurança de end-points, que trazem uma camada extra de proteção.

Veja também: Por que nem o melhor antivírus gratuito é suficiente?

 

Barre ameaças com um firewall

O firewall age com uma barreira entre o mundo e os ativos digitais da sua empresa. Ele é capaz de impedir o acesso indevido a locais importantes, mantendo sua rede segura. Hoje em dia, essa ferramenta está bastante evoluída. Vale a pena investir em um firewall UTM (administração unificada de ameaças), que é capaz de lidar com os principais perigos de maneira ágil.

Veja também: O que é firewall?

Siga-nos

       

 

Contato:

 SIA/SUL Trecho 03 Lote 990,  Cobertura - Edifício Itaú

 CEP: 71.200-030 - BRASÍLIA/DF

 +55 (61) 3363-8636

 contato@fasthelp.com.br

Enviar mensagem

Últimas Notícias