Solicitar Contato

Iremos retornar seu contato em 24h!

15 + 15 =

Conquistamos o certificado CertiGov na categoria Prata

[wtr-time]

Escrito por Natália Scalzaretto

Em 08/05/2019

A FastHelp acaba de conquistar a certificação de transparência CertiGov, na categoria Prata. O selo comprova a integridade da empresa em seus processos e mostra que temos implantado e disseminado uma cultura de política e ética de acordo com as práticas antissuborno e anticorrupção. Com o certificado CertiGov, a FastHelp aumenta a segurança de sua cadeia de atuação para vendas ao governo e se antecipa à demanda crescente por práticas de compliance de fornecedores dos setores público e privado.

“O CertiGov é um selo importante não só para a FastHelp, mas também para todos os seus fornecedores, parceiros, clientes, inclusive o próprio governo, e outros que fazem parte de seus relacionamentos no negócio. Ele traz mais segurança e reduz riscos nas transações”, afirma Pamela Ariane Silva, diretora da Paseli Consulting, consultoria que avalia e concede o certificado.

O selo CertiGov auxilia organizações e empresas que participam de licitações para governo fomentando uma cultura ética em canais, revendas e parceiros. É essencial que haja controles rígidos e práticas de compliance internamente, mas também em todos os outros elos da cadeia de vendas.

Os critérios de certificação são baseados em leis e padrões anticorrupção, nacionais e internacionais, como a Lei Brasileira Anticorrupção nº12.846/2013, ISO 37001/2016 – Sistemas de Gestão Antissuborno, Foreign Corruption Practice Act (FCPA), UK Bribery Act (UKBA), Convenção de Combate à Corrupção de Agentes Públicos em Transações Comerciais internacionais da Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE).

As vantagens de contar com o certificado são diversas: maior segurança de que os canais, revendas e parceiros estejam habilitados para participar de licitações públicas, redução do risco de envolvimento em situações ilícitas e fraudulentas, melhoria da governança empresarial, evitando a perda de recursos, aumento da credibilidade junto a órgãos públicos e opinião pública, implementação da prática de compliance de forma preventiva e não reativa, entre outras.

Para que uma organização receba o CertiGov, precisa seguir quatro passos: Due Dilligence corporativa; levantamento, análise e diagnóstico de procedimentos; treinamentos; recomendações e certificação. No total, são mais de 45 procedimentos, além de treinamentos, compliance, e entrevistas.

Você também pode gostar de…

0 Comments

Submit a Comment

O seu endereço de email não será publicado.

Entre em contato conosco

You have Successfully Subscribed!

Política de Privacidade

Este site usa cookies para fornecer seus serviços e melhorar sua experiência no site. Ao utilizar nosso portal, você concorda com o uso de cookies e nossa política de privacidade.

You have Successfully Subscribed!