Paixão do brasileiro por futebol impulsiona golpes via WhatsApp

Tempo de Leitura: 2min

Escrito por Natália Scalzaretto

Em 21 de September de 2017

Hackers desenvolveram campanha que promete personalizar o plano de fundo do aplicativo com imagens do craque Neymar, é disseminada através de compartilhamento em grupos e contatos, forçando vítimas a preencherem dados em serviço de SMS pago

Os fãs do jogador de futebol Neymar Jr. devem ficar atentos: para enganar usuários de smartphones, hackers desenvolveram um novo golpe cibernético que promete personalizar o plano de fundo WhatsApp com imagens do craque brasileiro. De acordo com a PSafe, o golpe já afetou mais de 10 mil pessoas nas últimas 2 semanas.

A armadilha promete ao usuário a possibilidade de escolher o clube em que gostaria de ver o jogador Neymar atuar e, a partir disso, ter acesso a um plano de fundo personalizado. Ela vem sendo disseminada via WhatsApp, por meio do recebimento de mensagens de contatos conhecidos, ou de algum grupo no aplicativo, convidando o usuário a clicar no anúncio.

Em seguida, para poder aplicar o plano de fundo desejado, a vítima é induzida a baixar um aplicativo chamado “Camisa 10”, compartilhar o suposto serviço para oito grupos ou quinze amigos via WhatsApp e a preencher seus dados em serviço de SMS pago, que podem causar prejuízos financeiros.

“O uso da imagem do jogador Neymar, que possui milhões de fãs em todo o Brasil, bem como a iniciativa de solicitar o compartilhamento do link do falso serviço pelo app de mensagens instantâneas, visa aumentar a velocidade de disseminação do golpe e, consequentemente, atrair um grande número de vítimas. É preciso ficar atento ao receber este tipo de conteúdo suspeito de amigos e grupos do qual faz parte no WhatsApp”, comenta Emilio Simoni, gerente de segurança da PSafe.

Outra recomendação importante para os usuários de smartphone é contar sempre com um antivírus com a função ‘antiphishing’ instalada, que checa os links e endereços de websites para averiguar se eles são maliciosos ou não.

Fonte: Security Report

Imagem: Reprodução

Você também pode gostar de…

Congresso decide que LGPD vale para 2020, mas dúvidas permanecem
Congresso decide que LGPD vale para 2020, mas dúvidas permanecem

Em abril, o Congresso mudou a vigência da Lei Geral de Proteção de Dados. Em vez de agosto de 2020, a implementação passaria para janeiro de 2021. Em seguida, o presidente Jair Bolsonaro publicou a Medida Provisória 959/2020, adiando a vigência da lei ainda mais, para...

LGPD é adiada para maio de 2021. O que muda para a sua empresa?
LGPD é adiada para maio de 2021. O que muda para a sua empresa?

Após o Senado adiar a implementação da Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD), uma medida provisória assinada pelo presidente Jair Bolsonaro em 29 de abril estende ainda mais o prazo — adiando a LGPD para 3 de maio de 2021. Ou seja, as empresas terão nove meses a mais...

Panorama Fast Help –  4 de Maio
Panorama Fast Help – 4 de Maio

Este é o Panorama FastHelp, seu resumo semanal com tudo o que acontece de mais importante sobre Tecnologia da Informação e Cibersegurança no Brasil. Confira nossos principais destaques:  Ataques e segurança Criminosos seguem se aproveitando do desespero causado...

0 Comments

Submit a Comment

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Entre em contato conosco

You have Successfully Subscribed!

PROMOÇÃO KASPERSKY PARA EMPRESAS DA SAÚDE

Nossa parceira Kaspersky está com uma iniciativa para proteger quem trabalha com saúde nesse momento de crise. Estamos com diversas soluções para a segurança do ambiente digital com um preço especial.


CONTATO

You have Successfully Subscribed!

Política de Privacidade

Este site usa cookies para fornecer seus serviços e melhorar sua experiência no site. Ao utilizar nosso portal, você concorda com o uso de cookies e nossa política de privacidade.

You have Successfully Subscribed!